Páginas

ATENÇÃO

- Blog: Cronicas e Contos de RPG - Eduardo Teixeira (textos protegidos, sua reprodução é proibida sem a autorização prévia do autor).

SOBRE A LEITURA: VAMOS LER, POIS LER É APRENDER.


A importância da leitura vem a cada dia ganhando força em seus diversos segmentos, pois é um dos requisitos básicos na aprendizagem do indivíduo. O ato de ler é muito importante, pois a leitura vem aos poucos contribuir para a formação de leitores capazes de reconhecer as sutilezas, as particularidades, os sentidos a extensão e a profundidade de cada texto lido.

Quem lê muito escreve bem

Não há como negar que ler contribui para a desenvoltura na escrita, pois vamos incorporando bons modelos de estruturação das ideias, ampliando repertórios, conhecendo novas palavras. Porém, é comum encontrarmos pessoas que leem muito, mas encontram dificuldades para escrever. Pode ser que isso ocorra pela qualidade da leitura. A leitura para a apreensão de conteúdos é básica; no entanto, se também prestarmos atenção na forma como os textos são compostos, podemos usufruir de todo o conhecimento a respeito da linguagem que uma leitura efetiva pode proporcionar e, assim, vamos nos tornando capazes de compor bons textos.

Vale a dica: Estar atento aos modos particulares de escrever dos diferentes autores, em especial daqueles que apreciamos, pode ser um prazer a mais na leitura. Pensar em como você próprio escreveria sobre o tema (e aventurar-se a escrever!), valendo-se do conhecimento dessas inúmeras possibilidades, ajuda-o no aperfeiçoamento de sua própria escrita.
Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 26 de maio de 2010

O CEIFADOR DE MONSTROS

O ceifador de monstros

Num local afastado de todos, chamado de cauda do inferno, lá morava um homem comum, conhecido como Teixeira. Lutava pelo seu reino. Todo o reino comentava que Teixeira era um poderoso humano assassino, que já tinha salvado o reino muitas vezes mais matou muita gente, por isso foi morar tão longe e afastado de tudo. Lendas e mais lendas do Grande Teixeira, homem de ter matado dragão, demônios e vampiros... Homem de ter amizade com garous e anjos... Homem de ter livrado o reino de ataque de vampiros e udeads (morto-vivos/necromantes). Um aposentado honrado. Esquecendo a veracidade dos mitos populares e lendas famosas, o certo era que Teixeira era muito conhecido, como O CEIFADOR DE MONSTROS.



O ceifador de monstros foi chamado...

O reino estava em perigo...

O pedido foi negado...

Mais o trono do reino foi lhe ofertado...

Braço cruzado nega e fica irritado...

A verdadeira historia foi contado...

- SEU FILHO FOI MORTO PELOS INIMIGOS E NOSSO EXERCICITO FOI EXTERMINADO.


O ceifador de monstros fala:
- Vai ser um banho de sangue que a lua testemunhará nesta noite.


O mensageiro:
- É os Nezumis senhor!


Os Nezumis eram como ratos gigantes, tinham, aproximadamente, 1,50 metros e eram dotados de muita vontade, resistência e inteligência. Mas eles temiam a lenda do ceifador de monstros.

O ceifador de monstros observa uma tropa de mais ou menos 6 a 7 monstros, monstros indefesos era assim que ele via eles. Mas antes que algum rato das Terras das Sombras pudesse ter alguma reação,Teixeira, junto com seu machado gigante, partiu para cima deles, surpreendendo a todos, e deu um urro tão estrondoso e horripilante que aqueles Nezumis que estavam à frente hesitaram e se tornaram as primeiras vitimas.


Próxima tropa estava em frente ao portão da cidade, uma cidade muito grande e com uma população grande, pena que indefesos pois não sabem lutar. A audácia e a coragem do ceifador incentivaram mais guerreiros a partir para a batalha frente aos, já assustados, Nezumis.

A cada movimento que, o então monstruoso, ceifador de monstros fazia com seu machado, vários Nezumis eram despedaçados e com uma voracidade incontrolável ele criou o caos entre aqueles pequeninos ratos, que de tanto medo começavam a debandar. Assim todos os guerreiros lutavam ao lado do ceifador de monstros.

O ceifador de monstros tira seu arco e flecha a e pra cada flecha um rato morto. Após uma longa batalha, os guerreiros conseguiram observar a magnitude do ataque sofrido e da vitória que eles acabaram de conquistar. Cerca de 400 corpos espalhados pelo chão, formando um tapete de sangue, iluminado pela belíssima lua que ali estava.

Uma vitória...

Não sobrou nenhum monstro...

Um dia de gloria...

Uma lagrima cai do seu rosto...

A muito tempo não falava com seu filho...

Sua esposa já tinha se ido...

Sem rumo segue o ceifador de monstros...

Ele nunca mais voltou...

Mais a lenda até hoje é contada...

" DIZEM QUE O SOBRENOME - TEIXEIRA - VEM DESSA LENDA, UNS DIZEM QUE É VERDADE E OUTROS DIZEM QUE É MENTIRA, BOM SE É VERDADE OU NÃO EU NÃO SEI, SOU SUSPEITO EM FALAR."

BY Eduardo Teixeira

Um comentário:

  1. " DIZEM QUE O SOBRENOME - TEIXEIRA - VEM DESSA LENDA, UNS DIZEM QUE É VERDADE E OUTROS DIZEM QUE É MENTIRA, BOM SE É VERDADE OU NÃO EU NÃO SEI, SOU SUSPEITO EM FALAR."

    BY Eduardo Teixeira

    Caraca adorei isso!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir