Páginas

ATENÇÃO

- Blog: Cronicas e Contos de RPG - Eduardo Teixeira (textos protegidos, sua reprodução é proibida sem a autorização prévia do autor).

SOBRE A LEITURA: VAMOS LER, POIS LER É APRENDER.


A importância da leitura vem a cada dia ganhando força em seus diversos segmentos, pois é um dos requisitos básicos na aprendizagem do indivíduo. O ato de ler é muito importante, pois a leitura vem aos poucos contribuir para a formação de leitores capazes de reconhecer as sutilezas, as particularidades, os sentidos a extensão e a profundidade de cada texto lido.

Quem lê muito escreve bem

Não há como negar que ler contribui para a desenvoltura na escrita, pois vamos incorporando bons modelos de estruturação das ideias, ampliando repertórios, conhecendo novas palavras. Porém, é comum encontrarmos pessoas que leem muito, mas encontram dificuldades para escrever. Pode ser que isso ocorra pela qualidade da leitura. A leitura para a apreensão de conteúdos é básica; no entanto, se também prestarmos atenção na forma como os textos são compostos, podemos usufruir de todo o conhecimento a respeito da linguagem que uma leitura efetiva pode proporcionar e, assim, vamos nos tornando capazes de compor bons textos.

Vale a dica: Estar atento aos modos particulares de escrever dos diferentes autores, em especial daqueles que apreciamos, pode ser um prazer a mais na leitura. Pensar em como você próprio escreveria sobre o tema (e aventurar-se a escrever!), valendo-se do conhecimento dessas inúmeras possibilidades, ajuda-o no aperfeiçoamento de sua própria escrita.
Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

CRONICA DA C.I.A: INVESTIGANDO O PODER PUBLICO



CRONICA DA C.I.A: INVESTIGANDO O PODER PUBLICO


O Poder Publico com seus promotores,desembargadores e tantos outros fins,agora andam armados,carregados
e com o peito cheio de autoridade,inventando que são policiais federal e/ou agentes do governo,eles querem
prender,mandar,eles querem fazer o papel de um delegado federal porem eles esquecem que são promotores e/ou
um mero advogado cheio de mentiras. Envolvido nisso um militar do exercito de terno chamado Master Solari,
se diz todo autoritario do lado dos homens do poder publico.

O Desembargador exige o porte de arma alegando sua segurança. mas a segurança do mesmo é a policia
já que o batalhao se localiza do lado do poder publico! Vimos ele e seu comparça,quer dizer corregedor gabrieldias
na frente do hospital com pistolas na mao. isso antes de solicitarem o porte para o diretor federal anthony.

Alem do Militar Master Solari estar totalmente incorreto e armado mesmo estando sem farda. e ainda por cima
abriu fogo contra um agente do governo que aqui não vamos mencionar seu nome. o agente passa bem mas quer
seus direitos e o senhor desembargador rafiki deve se responsabilizar pela peripercia comedita pelo militar master solari.

Nomes citados e envolvidos:

Desembargador Rafiki
Militar Master Solari
Corregedor Gabriel dias
Defensora Solange ( mulher do desembargador )



NOME DO PERSONAGEM DO AUTOR: Slash Southpaw

NOME DO AUTOR: Vinicius Escandon

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

B13 RPG - CRONICA: AFRICANOS



# Cronica Africanos #

"Se você está construindo uma casa e um prego quebra, você deixa de construir, ou você muda o prego? "


O povo Africano por si só controlam parte da B13.
Guerrilheiros e Milicianos... se unem para o bem de sua própria nação. Cansados de toda essa desigualdade e esse sofrimento, resolveram traçar o seu próprio destino através de suas ações.
Com tudo oque sofreram na vida , se é que tiveram vida , se tornaram revoltados... e agressivos.
Procuram por meio de ações e operações conjuntuas , melhorar ,a vida de seu povo.
E enquanto não melhorarem ou simplesmente conquistarem seus direitos.... isso não irá mudar tão cedo !

" Não pise no rabo do cachorro, e ele não o morderá. "




NOME DO PERSONAGEM DO AUTOR: NewSquid Bonetto

NOME REAL DO AUTOR: Raphael Rogério

terça-feira, 6 de setembro de 2011

B13 RPG - CRONICA: PODER PUBLICO



# Cronica Poder Publico #



Paris, 2010. Diante do aumento inevitável da criminalidade em alguns subúrbios, o governo autoriza a construção de um muro de isolamento ao redor dos bairros classificados como de alto risco. O pior de todos é o 13º distrito.
O Poder publico ja nao aguenta mais a criminalidade, os procesos ja formam dezenas e dezenas de pilhas sobre as mesas e nas gavetas.
O desembargador ja de saco cheio com os crimes grita no gabinete:

-- Putaquepariu

Todos no escritorio param o que estavam fazendo assustados com aquela situaçao, naquele momento a juiza entra na sala do desembargador e diz:

-- Acalme-se desembargador isso vai fazer mal a sua saude.

O desembargador responde:

-- Como posso ter calma com todos estes processos pra julgar, recebendo ligaçoes todas as noites me ameaçando.

Juiza: Nos vamos dar um jeito,vamos perder estes bandidos.

Desembargador: Prender!? prender como? a policia se quer entra naquela droga de bairro.

Juiza: Acalme-se, vamos pedir ajuda do exercito.

Desembargador: E a senhorita acha que o exercito resolve!? so jogando uma bomba la, é o unico jeito de resolver esta situaçao.

Juiza: Meus deus desembargador o sr esta vendo o que o sr esta dizendo!?

Desembargador: E a juiza propoe o que?, a srita e muito boazinha, a cadeia ja nao tem mais lugar para os presos.

Juiza: E a C.I.A. doutor?

Desembargador: A C.I.A? -- INDAGA ACHANDO GRAÇA DA PERGUNTA DA JUIZA -- aqueles corruptos são mais perigosos que os moradores do 13° distrito.

Juiza: Qual a posiçao do prefeito nesta situaçao do bairro 13?

Desembargador: O prefeito esta muito ocupado com seus investimentos para se preocupar com isso, você acha que alguem quer se preocupar com Punks , Africanos, Mafia Japonesa ,Mercenarios ,Mafia Italiana , Rappers, Muçulmanos...Ninguem quer se preocupar com isso juiza, nem eu, por mim que vao todos pra putaquepariu.


O desembargador se levanta e sai do gabiente batendo a porta, a juiza ainda sentada balança a cabeça para os lados e se pergunta... -- O que sera desta cidade?!





NOME DO PERSONAGEM: Rafikii Resident



NOME DO AUTOR: Rafael Fuzaro de Oliveira

B13 RPG - FEDERAL






Agentes especiais da Polícia Federal e o grupo de elite do Comando de Operações Táticas da Polícia Federal lutam para caçar os traficantes, lutam para prender os grandes bandidos, lutam pelas grandes investigaçoes e para limpar a cidade desse mal.

O Departamento de Polícia Federal ou simplesmente Polícia Federal (PF) é um órgão subordinado ao Ministério da Justiça, cuja função é, exercer a segurança pública para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio.

A Polícia Federal é instituída por lei como órgão permanente, organizado e mantido pela União e estruturado em carreira. Atua, assim, na clássica função institucional de polícia.




Funções adicionais da Polícia Federal:

1. Apurar infrações penais contra a ordem política e social ou em detrimento de bens, serviços e interesses da União ou de suas entidades autárquicas e empresas públicas, assim como outras infrações cuja prática tenha repercussão interestadual ou internacional e exija repressão uniforme, segundo se dispuser em lei;
2. Prevenir e reprimir o tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, o contrabando e o descaminho, sem prejuízo da ação fazendária e de outros órgãos públicos nas respectivas áreas de competência;
3. Exercer as funções de polícia marítima, aeroportuária e de fronteiras;
4. Exercer, com exclusividade, as funções de Polícia Judiciária da União.

A maioria dos cidadãos tem contato com a Polícia Federal pelo fato desta ser o órgão responsável pela emissão de passaportes e pelo controle dos postos de fronteira.



Comando de Operações Táticas:

O COT (Comando de Operações Táticas) do Departamento de Polícia Federal , foi criado, com a missão de responder a ataques terroristas dentro do território nacional. Para tanto, seus integrantes receberam treinamento técnico-tático em unidades especiais das Forças Armadas no Brasil e no exterior - em unidades especiais nos EUA, França e Alemanha (em especial pelo GSG-9). Hoje em dia essa força de elite para ações armadas desempenha uma grande gama de operações.

Ao longo de sua atuação, o COT participou de vários resgates de reféns durante sequestro de aeronaves e de muitas outras missões de risco, como apreensão de drogas no país, toneladas por sinal, ações de desapropriação, bem como também o desmantelamento de organizações criminosas.

B13 RPG - AFRICANOS




Os africanos controlam uma parte do B13. Renascido com uma arma na mão, os Africanos fazem o papel de guerrilheiros e milicianos… Quase todos os líderes tiveram alguma experiência militar. Seus treinamento militar fazem crê que são um grupo militar em si.

A droga financia os conflitos, prolonga-os e intensifica-os. Os soldados consomem-na sistematicamente, vendem-na para comprar armas e difundem-na.
Pelos africanos não existem conflitos locais que não sejam financiados por traficos ilegais. Na maioria dos casos, pelo tráfico de droga. Serve para comprar armas: os vendedores de armas frequentemente são pagos directamente em droga ou em dinheiro obtido com a venda dela. Mas ela é utilizada pelos próprios soldados. Todos os comandantes distribuem drogas aos soldados: antes dos combates servem para vencer o medo do inimigo e para os tornar inconscientes do perigo; depois dos combates, para relaxar ou anestesiar os feridos.

O primeiro nível de financiamento de uma guerrilha dos africanos é a «taxa» que é cobrada de quem entra e sai com intens ilegais e também cobram pela seguranças dos comerciantes de seu território. Em troca, a guerrilha dos africanos assegura pra quem mexe com coisas ilegais e para os comerciantes uma proteção contra os abusos de ladrões, delinquentes, e, sobretudo, contra a repressão das forças armadas governamentais.

O segundo nível é o lucro obtido pelos traficantes e compradores.

A droga, por vezes, não só alimenta a guerra como se torna o principal motivo de lutas entre grupos rivais ou entre forças.

B13 RPG - RAPPERS






OS RAPPERS - Bairro de origem Americana

"A vida na B13 não é apenas armas, brigas e drogas. Se fosse assim, não seriamos Os Rappers . Somos OS RAPPERS, aqui somos Gangsters e alem de preservar nosso território lutamos para consquitars novos membros e novos territórios, isso é uma combinação de romances vagabundos, muita ação, festas de Rap, ruas dominadas pelo mal, contrabando, muita briga e buscas para fazer a coisa certa, apesar de todas a adversidades...Talvez não seje tão bom essa vida, mais não foi a gente que escolheu essa vida e sim a vida nos escolheu com muito Rap!

O RAP

Rap é um discurso rítmico com rimas e poesias, um dos cinco pilares fundamentais da cultura hip hop, de modo que se chame metonimicamente (e de forma imprecisa) hip hop. Os cantores de rap são conhecidos como rappers ou MCs, abreviatura para mestre de cerimônias.

NOSSA CULTURA

O hip hop (também referido como hip-hop) é uma cultura artística e tem quatro pilares essenciais na cultura hip hop: o rap, o DJing, a breakdance e a escrita do grafite.Outros elementos incluem a moda hip hop e as gírias.

RAPPERS NA MÍDIA

A verdade está lá fora - mas eles a estão distorcendo: é por isso que a gente canta Rap. Pronto para denunciar todo tipo de corrupção, para falar de nossas vidas, da vida do povo pobre, para lutar pelos direitos de nosso bairro e pelos direito do povo do B13, para arrebentar cada deslize do governo, para mostrar que os RAPPER e o povo pobre também merece respeito.

RAPPERS E SEU OBJETIVO

"Para ser respeitado nas ruas você tem que impor respeito através dos seus atos."

O objetivo é ser o melhor das ruas. Você pode ser um poderoso Gangsters, e tem que lutar pela sua gangue, planejar assaltos em conjunto, da porrada em gangues rivais, entre outras coisas. Também pode optar por ser apenas uma RAPPER!


RAPPERS NO PODER

"Acho que a primeira vez que fui preso eu tinha assaltado um banco. Eu queimei o cara, com muito tiro."

Invadindo territórios de outras facções e invandido tudo na B13 e a cidade. Somos o cérebro das rimas, somos os poetas das ruas... Imagine um mundo onde se torna um campo de batalha ; onde os RAPPERS resolveram seus problemas com as drogas, musicas e crime..."