Páginas

ATENÇÃO

- Blog: Cronicas e Contos de RPG - Eduardo Teixeira (textos protegidos, sua reprodução é proibida sem a autorização prévia do autor).

SOBRE A LEITURA: VAMOS LER, POIS LER É APRENDER.


A importância da leitura vem a cada dia ganhando força em seus diversos segmentos, pois é um dos requisitos básicos na aprendizagem do indivíduo. O ato de ler é muito importante, pois a leitura vem aos poucos contribuir para a formação de leitores capazes de reconhecer as sutilezas, as particularidades, os sentidos a extensão e a profundidade de cada texto lido.

Quem lê muito escreve bem

Não há como negar que ler contribui para a desenvoltura na escrita, pois vamos incorporando bons modelos de estruturação das ideias, ampliando repertórios, conhecendo novas palavras. Porém, é comum encontrarmos pessoas que leem muito, mas encontram dificuldades para escrever. Pode ser que isso ocorra pela qualidade da leitura. A leitura para a apreensão de conteúdos é básica; no entanto, se também prestarmos atenção na forma como os textos são compostos, podemos usufruir de todo o conhecimento a respeito da linguagem que uma leitura efetiva pode proporcionar e, assim, vamos nos tornando capazes de compor bons textos.

Vale a dica: Estar atento aos modos particulares de escrever dos diferentes autores, em especial daqueles que apreciamos, pode ser um prazer a mais na leitura. Pensar em como você próprio escreveria sobre o tema (e aventurar-se a escrever!), valendo-se do conhecimento dessas inúmeras possibilidades, ajuda-o no aperfeiçoamento de sua própria escrita.
Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

CONTO STAR WARS - UM PEDIDO DE SOCORRO

((Estou jogando como Jedi e está sendo incrível, fazia tempo que não me divertia tanto e não interpretava meu personagem como agora, esta sendo muito show. Comecei faz dois dias e não é nem o começo. Nossa é incrível, os mundos, cenário, personagens, naves tudo igual o filme STAR WARS. Vou postar minha primeira aventura, e lhe digo muitas outras virão. Nossa é muito divertido, estou eufórico rsrssrs))













UM PEDIDO DE SOCORRO


Vibe estava pensativo. Seus olhos azuis fitavam o espaço a seu redor. Através do vidro, ele podia ver o brilho das estrelas, os asteróides e até mesmo o sol daquele sistema solar. Mas nada disso importava para o iniciante Jedi. Ele tinha seus treinamentos e ordem a cumprir, Vibe desde pequeno preferiu a paz, justiça e harmonia. O Jedi iniciante pega o sabre de luz sem permissão do mestre e sai com seu hoverboard no caminho observa um tumutuo e decide parar ao avistar um Jedi numa situação nada boa assim fazendo uma aterrissagem perfeita, sem problema algum.

Vibe não se aproxima apenas olha de longe por certo tempo, jamais ia usar a violência à toa. Havia métodos mais práticos de sair dali sem causar problemas, mas decide chegar mais perto e ao mesmo tempo pensando "a luta pela sobrevivência ocorre a todo instante. Ninguém está a salvo ou é um inocente em meio à Guerra Oculta. A linha entre o Bem e o Mal é muito tênue e, às vezes, a diferença entre ambos se torna quase inexistente".

Tiros...

O Jedi que Vibe estava a observa estava sendo atacado e no impulso Vibe tira seu sabre de luz, aonde uma chuva de tiros percorre pelo seu corpo já sabendo que "poder com poder" não seria seu ensinamento então Vibe faz de tudo para ter uma fuga vitoriosa. O tempo passa e Vibe era seguido até cair num local sem poder ao menos escapar e quando se vê já era tarde de mais, cai no chão e fica ali mesmo ferido.


Vibe diz baixo:
- Socorro!

Não tinha esperanças de encontrar outro Jedi!

Pensava Vibe:
"A força é minha aliada e grande aliada ela é, sou um ser iluminado".


O homem (Cryder Fallen) que feriu Vibe se aproxima e pega seu sabre de luz. Uma mulher também se aproxima era uma Sith, ela realmente servia o Lado Negro. Diferente de Vibe, que abominava os aspectos mais obscuros desse poder. Podia-se dizer que eram lados opostos. Enquanto um preferia a paz, a justiça e a harmonia, outro apreciava a violência, o orgulho, o ódio. E pelo jeito ela gosta espalhar medo e ódio pela galáxia.

Ela fala que Vibe tem o lado escuro, e chama ele pra vir para seu lado. Vibe pelo outro lado fala: "- Não!". Ela fala debochando que esta com o sabre de luz de Vibe e Vibe fala: "- Fique com ele de premio por ter derrotado um jedi, eu não preciso de armas e nem do sabre de luz, a força é minha aliada e grande aliada ela é". Ela ainda continua a falar irritada e ainda não tinha desistido da idéia de trazer Vibe para o lado escuro, mais Vibe finaliza: "- Minha mente não é fraca, esta perdendo seu tempo". Ela mas irritada continua a falar e por fim os dois se retiram levando o sabre de luz e deixando Vibe agonizando de dor, extremante ferido.


Medita e se concentra no mestre NaiQ:
- Socorro!
- Mestre!






"Não há a morte, há Força."









By Vibe Timeless

Os sombras = Gangue




RETIRADO DO "Street Fighter" E MODIFICADO PARA JOGAR!
FOI USADO E APROVADO COMO OUTRAS GANGUES QUE VEREMOS ADIANTE.













Os Sombras

Os Sombras são uma das mais famosas e mais numerosas gangues de Ton. Trajando uniformes macabros, eles rodam pela cidade cometendo vandalismos, furtos e violência. Encaram a policia sempre quando os vê, e a policia não tem como descobrir a identidade destes valentões pois usam máscaras. Armados são dor de cabeça na certa! O nome sombra de Ton, vem do gosto de andar pela sombra, quando estiver olhando pra sombra vera um deles lá.


Os Sombras andam sempre em grupos, normalmente em 3 pra cima. Eles costumam começar seus ataques de longe, para só então entrarem em combate corpo-a-corpo com suas armas.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Filhos de Tártarus = Gangue



Filhos de Tártarus

Os Filhos de Tártarus (ou Diabolos, como gostam de ser nomeados), talvez sejam a gangue mais astuta em Ton. Os líderes desse grupo, criaturas influentes em seus meios sociais, costumam agir “por baixo dos panos”, convertendo novos soldados que defendem e expandem o império das drogas, violência e corrupção que esta gangue vem construindo desde a chegada de Mikael “O Chefe”, seu líder e fundador, à cidade de Ton.
Embora muitos pensem que os Diabolos não passam de mais uma gangue a saquear e espalhar terror, desespero e luxúria pela cidade, boatos falam de rituais de tortura e sacrifício de todo tipo de criaturas, envolvendo a cúpula de comando dessa gangue.
Bom, independente de qualquer boato ou fantasia, o fato é que os Filhos de Tártarus personificam mais um dos tantos mistérios que envolvem essa cidade.



OLHA ISSO NÃO FUI EU QUE FIZ!!!
NÃO SOU O AUTOR...



MEU AMIGO; AUTOR: Leo Tremont

PARABENS MANO, SUA GANGUE É MAIS UMA QUE FOI APROVADA.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Os escolhidos dos deuses








Os escolhidos dos deuses


A loucura, o medo e a incerteza da sobrevivência tomaram conta dessa cidade, e o que seria um conto a ser lembrado pelas canções dos bardos e trovadores, uma canção onde muitas vidas seriam os versos e em que a intervenção dos deuses na vida mortal seria o tema.

O grupo que os deuses escolheram para punir aquela cidade, eram os bravos que foram treinados em campanhas mortais, tramas planares, desafios impossiveis, libertações lendárias e encontros divinos. Os deuses se reuniram e apostaram tudo naqueles que trariam de volta a paz a cidade e seriam os portadores da esperança.

Eles foram de encontro ao seu destino.


OS ESCOLHIDOS DOS DEUSES










USADO E APROVADO!!!
MUITO SHOW... O QUE VALE É A IMAGINAÇÃO.

Gangue Dragão Voador



RETIRADO DO "Street Fighter" E MODIFICADO PARA JOGAR!
FOI USADO E APROVADO COMO OUTRAS GANGUES QUE VEREMOS ADIANTE.


Dragão Voador

A gangue conhecida como Dragão Voador é uma das poucas gangues de Ton que tem algum propósito. Eles não agem simplesmente pelo prazer de destruir coisas ou arruinar pessoas. Eles o fazem por dinheiro. Seu líder, é muito famoso em Ton e foi ele quem organizou a gangue e transformou varios seres de diversas raças em um time unido e muito eficiente, apesar da fama, porém como sempre age junto de sua gangue, ele parece mais poderoso do que realmente é. O principal cliente da gangue Dragão Voador é as pessoas, que os contrata para eliminar intrometidos (os heróis). Os viciados também, pois drogas não falta. Uma gangue muito unida, sempre estam juntos.

Dragões Voadores

domingo, 22 de agosto de 2010

PROCURANDO A BIBLIOTECA

Procurando a biblioteca

Você quer conhecer a Cidade? Hummmmmmm. Então quer achar um lugar pra morar? Quer encontra aonde estão os dos seus. Seja bem Vinda Katana, o caminho da biblioteca é pra lá ó <<<<<<.

Ela passando pela praça encontra varias mulheres, Katana pergunta se ali era Lendas Urbanas, e as mulheres ficam curiosas. Imagine a cena, você na praça de Lendas Urbanas e do nada aparece uma mulher desconhecida e pergunta se ali era Lendas Urbanas, misterioso não? As mulheres fazem atos de pura curiosidade como tentar ver o papel que Katana tinha em mão e perguntas como:"- Esta procurando alguém?" misterioso não?




As mulheres brincam em um momento de diversão, algumas zoarão mais nada fora do comum, uma comédia normal. Por enquanto! Katana faz outra pergunta mais essa pergunta foi, é essa pergunta, putz, essa pergunta sim foi forte, digamos em ambas as partes, a pergunta de Katana foi: "- Gostaria de saber onde seria a biblioteca da cidade para me integrar nesta região". As mulheres que Katana encontrou ali na praça tentam levar Katana de qualquer maneira para a biblioteca, se mostram amigáveis e super prestativas.

Pense na nossa realidade, Katana só queria achar "o seu" lugar ali na cidade, sem ninguém saber. No mundo em que vivemos a maior parte das pessoas deseja ter um lugar pra ficar, se hospedar e com pessoas de confiança. É difícil achar um mendigo que diga o quanto se sente feliz sem ter um teto sobre sua cabeça todas as noites ou achar alguém que adora a adrenalina de não ter nem onde tomar um simples banho.

A conversa continuava... Mais zoação, as mulheres estavam se divertindo com a "turista", então Katana revela seu nome: " - Meu nome é Katana, mas pode me chamar de Kat, e o prazer é todo meu, e matando curiosidades não sou escritora nem tão chegada em livros, apenas curiosa". Conversa vai e conversa vem, deixa olhar no relógio *tic-tac tic-tac tic-tac tic-tac tic-tac tic-tac tic-tac tic-tac tic-tac tic-tac*.
As mulheres parecem conhecer a biblioteca, elas estavam alterada, citaram nomes como "cegueta", enfim, Katana dibla as mulheres que tinha acabado de conhecer e despença elas na maior simplicidade do mundo e deixa claro que vai conhecer a cidade primeiro e precisa de um banho.

Olha lá um homem sem camisa andando pela cidade. Ele pode te ajudar Katana. A nossa turista misteriosa vai até o homem e pergunta se ele sabe algum lugar para tomar banho, o homem diz que sabe e indica um lago que sem duvidas é muito lindo. É eu falei lindo??? Eca *coff* *coff* ecaaaaaa! Retiro o que eu falei, lugares lindos não chama atenção não, mas continuando. O homem sem camisa que era um vampiro independente que estava oculto, como a mulher também estava, não passava de uma doce e adorável humaninha. Eles caminham até o lago. Chegando lá o homem sem camisa que se chama Agente encontra Vibe, conversam enquanto a Katana que já tinha se apresentando toma seu banho.

Katana... Katana que diabos você quer tanto ir para a biblioteca heimmm? Paira uma pergunta no ar. Ela ensiste em ir pra biblioteca Vibe se transforma e vampiro e ia atacar ela até que uma surpresa de imediato acontece. ELA É UMA VAMPIRA! Ela se transforma e encara Vibe e tudo acaba bem e todos seguem para a biblioteca.

O ancião Edu e sua esposa Drika já observam Vibe, Agente e Katana, que estavam vindo em sua direção, direção da biblioteca. Um comentário sobre a mulher "será que é vampiro ou é comida?". Agente por motivos que cabe a ele, talvez mostrar quem manda, e algo mais, ele ataca Katana com um golpe de sua garra, Katana não se intimida e mostra suas presas com com sangue, seu proprio sangue, gostas de um sangue maldiçoado, um sangue do poder, que faz o vampiro ter a vida eterna e ser imortal com seus poderes vampiricos. Mas ao ouvir um pedido para parar e deixar a mulher falar, Agente para e cura o rosto de Katana que estava ferido.

Tudo parece estar indo bem, Katana se explica, fala que seu mestre indicou a biblioteca, fala que é uma independente por outras palavras mais que queria dizer isso, mais algumas explicações e todos se tornam amigos, mostraram um quarto vazio para ela se hospedar no terceiro andar. Seja bem vinda! Mais um Vampiro Companheiro dos independentes, vai se unir a nos nessa cidade cheio de trevas e escuridão, esta no lugar certo.




AUTOR: EDUARDO TEIXEIRA