Páginas

ATENÇÃO

- Blog: Cronicas e Contos de RPG - Eduardo Teixeira (textos protegidos, sua reprodução é proibida sem a autorização prévia do autor).

SOBRE A LEITURA: VAMOS LER, POIS LER É APRENDER.


A importância da leitura vem a cada dia ganhando força em seus diversos segmentos, pois é um dos requisitos básicos na aprendizagem do indivíduo. O ato de ler é muito importante, pois a leitura vem aos poucos contribuir para a formação de leitores capazes de reconhecer as sutilezas, as particularidades, os sentidos a extensão e a profundidade de cada texto lido.

Quem lê muito escreve bem

Não há como negar que ler contribui para a desenvoltura na escrita, pois vamos incorporando bons modelos de estruturação das ideias, ampliando repertórios, conhecendo novas palavras. Porém, é comum encontrarmos pessoas que leem muito, mas encontram dificuldades para escrever. Pode ser que isso ocorra pela qualidade da leitura. A leitura para a apreensão de conteúdos é básica; no entanto, se também prestarmos atenção na forma como os textos são compostos, podemos usufruir de todo o conhecimento a respeito da linguagem que uma leitura efetiva pode proporcionar e, assim, vamos nos tornando capazes de compor bons textos.

Vale a dica: Estar atento aos modos particulares de escrever dos diferentes autores, em especial daqueles que apreciamos, pode ser um prazer a mais na leitura. Pensar em como você próprio escreveria sobre o tema (e aventurar-se a escrever!), valendo-se do conhecimento dessas inúmeras possibilidades, ajuda-o no aperfeiçoamento de sua própria escrita.
Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 1 de julho de 2010

O MELHOR ATAQUE É A DEFESA





Recentemente,a cidade esta sem controle esta sendo invadida por todos os tipos de criaturas.A criação do sistema de proteção para a base da The Six é inacreditável proeza da engenharia, programação e tecnologia, inigualável a qualquer outra tecnologia maravilhosa desta década, ou até mesmo da próxima , até tendo tecnologia desconhecida pela humanidade.
Esse potencial da tecnologia foi usado de várias formas maravilhosas para proteger a base , desde uma porta até as maquinas em geral. Um agente da The Six vaga pela cidade em um caminhão vindo de uma cidade próxima, com equipamentos Bélicos, químicos e algumas estruturas para reforçar a segurança do Prédio dos Humanos em Lendas Urbanas por precaução com futuros ataques ou invasões do mesmo. Vira a ultima esquina e avista o prédio e em sua frente já estão posicionados para recebê-lo seus amigos (Davi e Vibe). Solta do caminhão e diz: " Vamos pessoal tem muito material e trabalho pela frente dando uma longa risada".

Os humanos da organização The Six ficaram extremamente orgulhoso com seu prodígio da tecnologia da The Six , o projeto foi desenvolvido em uma isolada locação , todas as armas e maquinas que instaladas foram testadas e estão com 99% de segurança contra falhas. Nos seus testes finais de campo, a unidade provou ser imbatível, implacável e construída para que nenhuma criatura entre nela a não ser agentes da The Six.
Os agentes confere se veio tudo que estava na lista , e todos se preparam para começar a descarregar o caminhão.Tinha muitos agentes da The Six guardas posicionados , cientistas e todos os humanos da organização estava no local , o caminhão entra na base com todo o material rapidamente fecham o portão.

Ali mesmo Vazquez Veliz da uma gargalhada alta e diz aos companheiros : "hoje a chapa esquenta Davi, armas quimicas, biológicas e Bélicas. Vamos ter muito trabalho por hoje", já descendo com muito cuidado com as armas biológicas, deixando aos cuidados dos companheiros as armas Químicas e bélicas, feliz por ver todos seus amigos químicos, cientistas de grande sabedoria descarregando as armas e estruturas que ali se encontravam. Enquanto isso Davi Etchegaray já dentro do QG esfrega as mãos parecendo uma criança com os brinquedos, demonstrando muita ansiedade, fala em voz alta para todos que já ajudavam na descarga dos materiais: Não vejo a hora de dar uma upgrade geral nesse parada aqui (se referindo a base).
Vibe Timeless no silêncio do desértico e isolado depósito , os faróis iluminavam o caminhão e Vibe ajuda a descarregar o caminhão junto a todos , era um trabalho demorado mais gratificante a todos que se esforçavam para apurar o trabalho.

O experiente agente Vazquez Veliz começa a munir o predio com nano tecnologia de ataque com armas biológicas preparadas por Davi e os demais, aguardando update para testar as mesmas, já se dirige ao sistema de segurança instalando as cameras que ficarão armazenando info em tempo real e armazenando dados para servidor remoto desconhecido por todos. Apenas tendo como forma de acesso login e senha, o mesmo entrega a cada um dos integrantes do The Six login e senha. Extaziado de felicidade já parte para a montagem das câmeras, finaliza os updates na câmera colocando infravermelhos e microondas, este sistema é ativado pos movimentação detectação de massa e detectação de presença, dando mais segurança a qualquer tipo de aproximação do prédio.A natureza mecânica da tecnologia The Six provê a eles certas Habilidades desconhecida pela humanidade , a base vai caminhar numa fina linha entre homem e máquina. A equipe de Davi começa a instalar as : Fontes de Energia; Antenas de proteção de interferência e os Olhos Cibernético , outros profissionais a colocar os mísseis teleguiados Raitheon LSSN-20G ao termina parte para a instalação do gás muscular e a pra finalizar o trabalho a parte mais perigosa da base aonde os mais especializados estão a programar , uma bomba chamada de "auto destruição" apos horas de trabalho um dos agente conclui falando * nem mesmo um fantasma vai entrar aqui *.

O restante da equipe do The Six estava instalando e finalizando as ultimas rotações para o prédio que são : - Analisador Químico ;
- Antigravidade ;
- As máquinas operam livremente e possuem até mesmo simuladores de sentimentos;
- Antitoxinas;
- lançadora de: dardos envenenados, de rede .
- Proteção contra incêndio ;
Feliz por estarem terminando em um longo dia de serviço pega o presente que trouxe a todos os Humanos, os mesmos ficam estagnados sem saber do que se trata, Vazquez abre o compartimento refrigerado do caminhão e pega uma boa caixa de cervejas, vendo-os com mais sorriso ao rosto pelo belo presente após um dia inteiro de trabalho duro e árduo por toda equipe do The Six que consta com mais de 50 profissionais atuando e restaurando a segurança ali necessária.Davi Etchegaray , Pula da escada , e sai correndo em direção as cervejas sendo o primeiro a pegar a gelada. Vibe Timeless segura seu rosário e falas algumas palavras , como entende de ocultismo e da palavra de Deus sendo um ex-padre diz * per signum X crucis, de X inimicis nostris libera-nos Deus X noster. In nonime Patris X et Fílii X et Spitiui Sancto X.Amen * apois a reza ja vai pega a cerveja e logo acende um cigarro. Assim todos os agentes param para descançar e olhar o trabalho que durou um dia inteiro e como todos merecem um refresco Vazquez Veliz entrega as cervejas em mão a cada um dos integrantes do The Six e agradece pelo grande trabalho ali realizado.

Melhorias Cibernéticas são facilmente identificadas por qualquer um , a The Six tenta manter escondida para não chamar atenção tudo isso vai muito além da ciência conhecida. Melhorar ciberneticamente a base é uma boa forma de se manter seguro como fala o ditado " o melhor ataque é a defesa ".
A The Six tem um certo controle de todo o globo terrestre . Dentro de um ano todos os departamentos da The Six já faziam pesquisas de cibertecnologia avançada. Muitas das pesquisas foram benéficas, produzindo armas , proteção , comunicação , maquinas e remédios tudo o que a organização poderia precisar para combater seus predadores e se mantem com vida.Hoje em dia, esses humanos com habilidades para enfrenter o desconhecido se fazem presentes na cidade e estão totalmente seguros tanto a base como cada um a si própio.




AUTOR: Eduardo Teixeira

quarta-feira, 30 de junho de 2010

PREFEITO - UM PERSONAGEM EM TANTO

Prefeito, o líder...
O prefeito é a pessoa mais importante da cidade, por isso ele tera a proteção da policia, e poderá contratar os assassinos a hora que quiser. Ganhara dinheiro para seus negocio e poderá fazer eventos a hora que quiser. O prefeito será o líder da cidade.


Por outro lado...
A cabeça do prefeito vale ouro, ele será perseguido a vida toda, se bem que pra ser prefeito de Ton tem que ser corajoso e estar preparado para os desafios.

Essa é a vida de um prefeito...
Isso fica claro, terá perseguições, corrupção, lavagens de XP, sequestros, honestidade, ajudar a cidade e liderança.

Contrataçoes...
Contratar profissoes e representa a cidade.

...Finalizando...
O prefeito tem carta branca.


MONTEI ESSE PERSONAGEM PARA USAR NO CENARIO "Ton, A cidade escura" QUE ESTA POSTADA NO BLOG!


AUTOR: Eduardo Teixeira

POLICIA


POLICIA:


”Largue isso. Eu não quero ouvir a história da sua vida, e não me importo nem um pouco com o que a sociedade fez com você. Eu só quero ver esta arma no chão AGORA, antes que eu te abra uma narina extra.”

Nestes tempos difíceis, onde um assassinato se tornou algo tão banal quanto escovar os dentes, e uma população armada vive em eterno clima de guerra, o trabalho da polícia se tornou mais dificil do que já era. Um policial que queira fazer cumprir a lei, muita vezes pode esbarrar num interesse de deter as guangues e assassinos.

Nos velhos tempos, a escória das ruas atirava nos policiais. Hoje em dia, eles terão sorte se levarem apenas um tiro: as gangues modernas de criaturas tem poderes que fazem um AR-15 parecer brinquedo de criança. Mas é pra isso que eles estão lá - para pegar os piores setores, onde a guerreiros urbanos e as milícias particulares não vão, onde o melhor que pode aparecer é um piscopata disparando poderes pelas mãos. Prédios queimados, carros abandonados e restos de casas comerciais fazem sua trincheira habitual. Ou há aqueles que acabam no psicoesquedrão, indo caçar aqueles que eles acham suspeito , talvez aquele senhor seja branco de mais , ou talvez aquela moça cheio de sangue pelo corpo poderia ter feito algo de errado. Mas não importa muito: seja qual for o preço a pagar pela manutenção da lei em suas terras - em balas ou em sangue - eles têm o bastante.


TIREI DO CYBERPUNK E MODIFIQUEI PARA JOGAR!

Eduardo Teixeira

segunda-feira, 28 de junho de 2010

O Templo das Artes apresenta: Vampiros, monstros ou vítimas













Autor: Eduardo Teixeira
Categoria: Conto

O ancião sai da biblioteca e com sua bengala caminha pelas ruas, sim as ruas da cidade de Lendas Urbanas, isoladas ruas e perigosas. O ancião era cego e por isso usava sua bengala como companheira, ele sente a presença de um homem com tendências maléficas, o que lhe chama atenção, se aproxima e tateando pelas muretas ate chegar no banco aonde estava o rapaz , ou jovem , ou senhor , ou sei la pos ele não enxerga mais sem pressa pois ele sente mais do que deveria. O homem que o ancião sente era Black, que quando vê o senhor cego se aproximando se preparava pra correr mas fica ao ouvir o "velho-de-bengala" falando com ele.

- Boa noite senhor, posso me sentar, cansei com essa minha caminhadinha.

- Boa noite, pode sim bem vindo à praça é nossa.

- Vejo que tem um bom senso de humor amigo, isso é bom! Mas me diga, você é novo na cidade? Nunca te vi por aqui! (ironizando o fato de ser cego).

- É sou novo por aqui vim respirar um ar fresco e ver pessoas, e o senhor o que faz vagando por aqui?

- Eu tomo conta da biblioteca da cidade, temos ótimos livros , eu nem sempre fui cego, ha uns meses atrás tive que sacrificar minha visão em pro da cidade que corria alguns riscos , mas até que é interessante esse mundo escuro , agora não enxergo você, mas sinto sua essência.

- Que a cidade sofria pra tu sacrificar tua visão? Era algo de teu interesse? Mas mundo escuro não seria legal não.

- A cidade era atacada por Ares que iria provavelmente destruir isso, sacrifiquei minha visão para aumentar meus auspícios, assim podendo pressenti o que ia acontecer e avisar os outros, mas agora já passou e eu ainda estou assim.

- Caracas, foi um homem de coragem viu... Qual é seu nome senhor? E onde fica a biblioteca para eu visitá-lo para saber mais dessa historia?

- Meu nome é Apolo, a biblioteca você vai encontrar no meio dos becos da cidade, quando você decidir se aventurar por aqueles caminhos perigosos estarei a sua espera... E você é?

- Bom sou conhecido como Black, nossa minha cabeça ta viajando com sua historia, se fosse por mim eu não teria coragem nenhuma de fazer o que o senhor fez.

- É lógico que conseguiria... Essa maldade toda que você esconde dentro de você obviamente me faz acreditar que você não teria medo... Talvez não optasse em se sacrificar pelos outros, mas medo... Não.

- Mas dar algo seu pelos outros que não querem nem saber o que você é o que fez, acharia melhor ficar na minha quietinho.

- Qual motivo de se poupar, se você fazendo isso todos iriam ser sacrificados, ai não iria existir mais ninguém para você se divertir... Prefiro essa dádiva que tenho agora e poder ainda ter com quem me divertir torturando e drenando sangue do que estar vivo e sozinho, morrendo aos poucos de tédio.

- Bom senhor, estou muito satisfeito em ter te conhecido, outro dia te procuro lá na biblioteca para aprofundar essa historia, e fico muito agradecido pelo o que tenha feito por nós.

Passava-se muito tempo já que o ancião e seu novo amigo estavam a conversar o "jovem" assim dizendo pelo olhar de um velho ancião, que sentia seu novo amigo sair de perto dele assim o ancião usando suas disciplinas faz que o jovem obedeça sua ordem e segui para a biblioteca. Já de inicio dentro da biblioteca, o ancião pergunta educadamente, e não tendo retorno, pergunta brutalmente, mais de nada adiantava a pergunta chave era " o que vocês querem contra os vampiros independentes ?! & Essa ultima semana dois dos meus irmãos apareceram feridos , quero saber quem esta por traz disso ?".

O jovem que estava em apuros conseguiu avisar seus conhecidos e os conhecidos dele avisa outros conhecidos dos conhecidos deles e assim já tinha muita gente sabendo que o jovem estava em apuros graças à um celular. O jovem falava que não sabia de nada! O ancião sente que o jovem falava a verdade e com um ato de bondade cura os ferimentos do rapaz. O ancião fica generoso e se mostra bondoso e fala com o jovem, e prouve uma amizade e o jovem aceita.

O ancião leva o jovem para a saída mais antes de ele ir oferece um livro, o jovem pedi um livro que o ancião mesmo escreveu e o ancião lhe da, um livro escrito por ele. Na saída da biblioteca os conhecidos do jovem já estavam ali , sim ali mesmo na porta da biblioteca , muitos diálogos amigáveis entre ambos , e assim puxão a orelha no rapaz e algumas cenas bizarras , implicam com o jovem mais tudo acaba bem e todos seguem seu caminho.

Um dia em tanto! O ancião sentia as pessoas que ali estavam e as mesmas acabam conhecendo o ancião , quem sabe qualquer dia desses um cafezinho na cefeteria da rua xv? Dizem que lá tem vampiros, sou obrigado a rir, isso não passa de um conto, pois vampiros não existem! Ou existem? N-ã-ã-ã-ã-ã-ã-ã-ã-o-o-o-o-o-!!!!!!.............. Não existe não! ( Buuaarahahararara )

Nota: O jovem é um infernal, isso mesmo um demônio e o velho-de-bengala era um ancião dos anarquistas, em outras palavras, um ancião dos vampiros independentes.



TEMPLO DAS ARTES: http://krullobruto.blogspot.com/2010/06/o-templo-das-artes-apresenta-vampiros_05.html

AGRADECIMENTOS AO BLOG "KRULL O BRUTO": http://krullobruto.blogspot.com




Eduardo Teixeira

domingo, 27 de junho de 2010

O ANJO

((Nessa história nosso ator Vibe faz o papel de um anjo. Boa leitura)).


"Pensava que ia viver para sempre..."




"Pensava que ia viver para sempre..."



- Esse homem quando era mortal salvei sua vida muitas vezes. Não sei por que ele.

- Bom ele é o escolhido sim Rafael. Vamos seguir as ordens de nossos superiores.



O anjo Vibe se levantava meio que com sono ao mesmo tempo olhando bem para quelas figuras que estavam ali em sua frente. Ele sem saber tinha sido recrutado para o Exército Divino. Vibe se levantava calmamente diz:

- O vem cá! Que porra é essa? Um teatro?

Um dos anjos se aproximava de Vibe, o mortal que era escolhido por ordens superiores. Vibe que nada educado, pega a mão do anjo que estava já em seu ombro e o mesmo quebra os dedos no movimento rapido e brusco, um golpe estilo quebra-mão.

Vibe diz:
- Mais que merda o que ta havendo aqui?


O anjo nada se intimida e começa a rir ai dizer:
- É, não sei como você pode ser o escolhido.

O outro anjo que estava se aproxima também e começa a explicar a situação, delicadamente para que Vibe entenda:

- Bom, eu me chamo Rafael e esse é Tales, a gente esta a sua disposição. Bom você esta no Éden, você foi escolhido por ordem mas que superiores para liderar uma tropa de anjos a defender a Cidade de Ouro. Sei que você pode até estar achando bobagem, mais meu amigo pode acreditar não é bobagem. A capacidade de ser um anjo esta dentro da sua alma.

Vibe interrompe dizendo:
- Se você fala mas um ai, eu faço sua língua parar no seu ânus arrancando sua cabeça.

O anjo Rafael diz:
- Calma não sou seu inimigo, na verdade estou curioso, não entendendo o porque você é o escolhido. Olhe você esta pra liderar uma tropa de anjos, lá e baixo esta cheio de vampiros, demônios e outras criaturas... Você é prova disto, você foi treinado por Filipe, um anjo caído, sei que ele te ensinou muito bem, é ele realmente era um grande líder.

Vibe interrompe outra vez:
- Como é que é? Filipe era um anjo, quer dizer é um anjo?

Rafael fala se aproximando mais:
- Sim. Ele era, mais foi corropido ao seguir seu caminho e viver como um mortal. Ele foi pego pelos demônios que frequentam a cidade. E você... Bom eles simplesmente arrancaram sua cabeça e colocaram sua língua bem lá na quele lugar. HAhaHAhaHAhaHA. Isso que dá ameaçar quem não conhece. Bom, você vai liderar uma tropa de anjos, vai fazer isso por você, por nos e pelo seu amigo Filipe que não esta morto ele esta apenas preso de alguma maneira.
Você é um imortal. Seu coração bate, mas você não precisa dele. Você respira, mas apenas porquê quer. Não podem sufocar você, não podem matá-lo com tiros e mesmo se arrancarem seu coração você ainda estará vivo. Saiba também que jamais você irá envelhecer. Eu tenho pouco mais de um século de existência Celestial, mas conheço alguns que vivem por milênios... Nossa aparência muda levemente ao longo dos séculos, conforme amadurecemos em mente e espírito, mas isto é só a maneira como seu corpo se adapta, e não um envelhecimento. O que mantém nossos corpos vivos é nossa alma. Enquanto corpo e alma estiverem juntos, você será imortal. E só há uma maneira de separá-los: destruição do corpo. Mas mesmo assim, sua alma ainda estará viva, e você mais uma vez renascerá no Éden, em um novo corpo, idêntico ao anterior. Só há uma maneira de matarem você... e chama-se “Obliteração.”
Acontece quando destroem seu corpo e então devoram sua alma. Falarei mais sobre isso um outro dia... Onde parei? Ah, sim... Imortalidade é apenas o começo. Sente uma energia dentro de você? É como a sensação de estar vivo, mas é mais do que isso. É uma força. Você pode canalizá-la para muitas coisas. Já ouviu falar em anjos com grandes poderes? Com força imensa, poderes sobre a natureza e muito mais? É dessa energia que vem tudo isso. Você só precisa aprender a usá-la. Outra capacidade que você possui , graças a essa energia, é a de se curar. Usando sua energia, pode regenerar ferimentos gravíssimos em poucos segundos. Mas talvez como efeito colateral de seu estado Celestial, você é estéril... eu havia dito que Celestiais são sexualmente ativos, e isto é verdade. Mas você não pode procriar, nem com outros Celestiais, nem com mortais, ou com quaisquer outras criaturas. A única maneira para surgirem Celestiais é a partir das almas dos mortos merecedores. Não temos maneira de criar novos
por nós mesmos... Como pode notar, seu corpo é uma maravilha sobrenatural, e você não pode morrer... E é aí que começam as maravilhas e o perigo. Você tem poder, e pode tornar o mundo melhor usando-o. Por outro lado, poder corrompe. Não deixe que ele suba à sua cabeça, ou você vai se perder, cair em tentação.

Vibe já começando a acreditar, pergunta:
- Porque eu?

Rafael responde:
- Essa é uma pergunta que eu também quero saber.

Tales entra na conversa:
- Eu também queria saber. Um mortal que matou mais gente do que meus dedos da mão e do pé podem contar.

Vibe diz:
- Olha, todas as pessoas que eu matei foi por justa calza, estavam possuídas e consegui matar vampiros. Isso não conta né? Se bem que matei aquele ladrãzinho que queria me roubar. Safado #@%$#... Ata também...

Tales nervoso diz:
- Chega, chega, chega. Eu não quero saber o que você fez ou deixou de fazer. Vem conosco vamos te mostrar o Éden e vamos te apresenta sua tropa, somos arcanjos menores, e vamos apresenta ao nosso superior e começa a se focar na nossa meta.


60 Dias se passaram...


Na cidade....


O anjo Vibe:
- Sabe alguma coisa sobre os demônios:

Um vampiro, estava sem os dois braços e sem as duas pernas, e com uma escopeta mirada bem na cabeça. O vampiro responde:
- Não sei não senhor, mais posso te ajudar.

Vibe diz:
- Me leva aonde tem mais vampiros então!

Vampiro fala choramingando:
- Eu não sei, eu vivo sozinho.

Vibe fala rindo:
- Tavo te olhando faz mais ou menos umas duas horas, vi seus amigos... Bom já que você não vai me ajudar... Cara isso é bala explosiva...

O vampiro grita:
- Vai para o infernooOooooOoo!!!

Vibe após aperta o gatilho e ver o fim do vampiro diz:
- Se falasse céu até que pensaria. Morra FDP!



Cronica By: Eduardo Teixeira