Páginas

ATENÇÃO

- Blog: Cronicas e Contos de RPG - Eduardo Teixeira (textos protegidos, sua reprodução é proibida sem a autorização prévia do autor).

SOBRE A LEITURA: VAMOS LER, POIS LER É APRENDER.


A importância da leitura vem a cada dia ganhando força em seus diversos segmentos, pois é um dos requisitos básicos na aprendizagem do indivíduo. O ato de ler é muito importante, pois a leitura vem aos poucos contribuir para a formação de leitores capazes de reconhecer as sutilezas, as particularidades, os sentidos a extensão e a profundidade de cada texto lido.

Quem lê muito escreve bem

Não há como negar que ler contribui para a desenvoltura na escrita, pois vamos incorporando bons modelos de estruturação das ideias, ampliando repertórios, conhecendo novas palavras. Porém, é comum encontrarmos pessoas que leem muito, mas encontram dificuldades para escrever. Pode ser que isso ocorra pela qualidade da leitura. A leitura para a apreensão de conteúdos é básica; no entanto, se também prestarmos atenção na forma como os textos são compostos, podemos usufruir de todo o conhecimento a respeito da linguagem que uma leitura efetiva pode proporcionar e, assim, vamos nos tornando capazes de compor bons textos.

Vale a dica: Estar atento aos modos particulares de escrever dos diferentes autores, em especial daqueles que apreciamos, pode ser um prazer a mais na leitura. Pensar em como você próprio escreveria sobre o tema (e aventurar-se a escrever!), valendo-se do conhecimento dessas inúmeras possibilidades, ajuda-o no aperfeiçoamento de sua própria escrita.
Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 15 de junho de 2010

A ORDEM DOS ASSASSINOS


A ORDEM DOS ASSASSINOS


Durante 50 anos, uma terrível seita foi montada na cidade de Ton. Tratava-se da Ordem dos Assassinos, uma raça de assassinos.


* COMO AGEM

São assassino em série (as vezes conhecido pelo nome em inglês serial killer) que é um tipo de criminosode perfil psicopatológico que comete crimes com uma certa frequência, sem dó, sem piedade e por fim todos mascarados se escondendo perante a sociedade. Dinheiro na mão e a morte garantida, se bem que quaqluer motivo em si a morte é garantida, resumindo -> A MORTE É CERTA <-.


* CLASSES DOS ASSASSINOS

" A morte é certa."

A vida pode ser barata, mas a morte custa dinheiro. Enquanto houver gente querendo pagar para ver um inimigo ou concorrente eliminado para sempre, haverá alguém disposto a fazer o serviço — por um preço.
Um assassino pode ter crescido na rua, ou talvez seja um ex-soldado ou policial considerado “indesejável” por seus oficiais superiores. Entre as vantagens mais comuns de assassinos incluem-se a Visão Noturna, Reflexos em Combate, Prontidão e Patrono. As desvantagens poderiam incluir Inimigos (amigos e/ou parentes dos que tenha matado), Megalomania, Excesso de Confiança ou qualquer uma dentro de uma grande variedade de Marcas Pessoais e Hábitos Detestáveis. Perícias de combate são uma necessidade, embora muitos assassinos se especializem em áreas como Demolição ou Venenos. Outras perícias importantes poderiam ser Conhecimento do Terreno, Escalada, Criminologia, Disfarce, Condução, Corrida, Sombra (Seguir às Ocultas), Furtividade e Rastreamento.
Entre os tipos de assassinos encontramos:


Pistoleiro: Muitas pessoas preferem vencer nos negócios à moda antiga — liquidando a oposição. Pode-se enviar um pistoleiro para eliminar pessoas que atrapalhem ou até mesmo inimigas não-humanas mais que tem grande valor na sociedade.


Executor: Enquanto podem precisar eliminar alguém ocasionalmente. Isto exige um bocado de musculatura de aluguel. Um executor nunca sabe quem será seu próximo alvo — um executor esperto aprende a não tentar fazer suposições. Alguns trabalhos serão fáceis — um dono de loja gordo que fortalece e ajuda vampiros, ou um fedelho de rua que estava no lugar errado na hora errada e viu algo que não devia. Outros serão mais difíceis —criaturas rivais, altamente motivados com grande poderes ou dons acima dos limites humanos. O executor não tem muitos dos benefícios legítimos que um pistoleiro corporado possui. Mas o executor normalmente é conhecido na rua — sua reputação lhe traz um respeito.


Freelancer: O assassino freelancer não pertence a ninguém. Pode tratar-se de um solitário intransigentemente independente ou de um membro de um comando coeso. Qualquer que seja o caso, sua qualidade de vida depende de suas habilidades. Um freelancer confiável e discreto que mostre que é capaz de executar grandes trabalhos pode cobrar quanto quiser. Um freelancer que não falhe numa missão ou que fale sobre seus clientes poderá até virar manchete — mas não viverá para lê-la. O bem mais precioso de um freelancer é sua reputação — se ele se tornar conhecido como um fracasso nunca mais conseguirá um trabalho. Por este motivo normalmente não é uma boa falar mal de um assassino mesmo que se esteja dizendo a verdade!
Os freelancers frequentemente têm muitos contatos, legítimos ou não, para facilitar seu trabalho.



TIREI ESSE TEXTO DO LIVRO CYBERPUNK E MODIFIQUEI PARA USAR!




.

Nenhum comentário:

Postar um comentário